Translate

Translate

sábado, 13 de julho de 2013

Como me preparar para uma consulta com o Tarô ou Baralho Cigano.


Geralmente quando vamos ao médico por alguma razão, devemos detalhar com minuciosidade todos os sintomas e porquês da razão de nossa consulta. Com o tarô não é diferente. Antes de consultar um tarólogo, tarotista, faça-se a seguinte pergunta:

- O que me leva a consultar um oráculo?

Anote todas as suas dúvidas, incertezas, impasses, problemas de relacionamentos em uma folha à parte. O tarô deve ser trabalhado com perguntas objetivas, claras de preferência temporais. Perguntas dúbias do tipo; devo ficar ou sair deste emprego? Certamente serão mal interpretadas se não forem reformuladas pelo profissional que está lhe atendendo. Consequentemente respostas confusas poderão vir a tona. Lembre-se, perguntas objetivas com definição do tempo são as que trazem respostas mais precisas. 


Há casos em que queremos saber de tudo um pouco, um aconselhamento para as diversas áreas de nossas vidas. Então, o tarólogo/tarotista avaliará o método que melhor atender às suas necessidades. Para que haja um resultado eficaz é sempre bom sabermos o que procurarmos para identificar com clareza as respostas. Você já saiu do médico e quando fechou a porta lembrou de algo que deveria ter perguntando e acabou esquecendo? 

Fator segurança: é imprescindível que você conheça o histórico do profissional que escolheu consultar. Pegue referências com amigos, procure na internet. Ir na sorte não é aconselhável. Durante a consulta será extremamente importante que você se sinta seguro e confie no profissional que estará diante de você. Não cabe julgamento de postura, comportamento. Não há certo ou errado nem qualquer tipo de padrão considerado coerente. O papel do profissional que manejará as cartas será de interpretar a mensagem do oráculo mantendo-se totalmente imparcial em relação às suas condutas e escolhas.

Consultar um oráculo é desnudar nossa alma para poder compreender nossas dúvidas, impasses e conflitos. É preciso que haja ética e sinceridade de ambas as partes. Só assim o resultado será plenamente satisfatório para ambos, tarólogo e consulente.

Resumo da consulta: você pode pedir ao tarólogo o resumo de sua consulta para ler posteriormente com mais calma e tempo para refletir sobre cada questão. É como ler o mesmo livro pela segunda vez. Sempre teremos uma nova visão sobre algum aspecto ou, perceberemos algo que não havíamos notado antes. Se este for o caso, pergunte antes de iniciar a consulta ao profissional qual procedimento ele adota neste caso. As consultas com abertura de mandala tem um prazo estipulado para retorno. A maioria trabalha com o prazo de seis (06) meses. Isto para abertura de mandala astrológica, que é algo mais complexo e detalhista. Para perguntas aleatórias não há prazo.